30/01 – Dia nacional das histórias em quadrinhos

Ah, que legal!

Hoje comemora-se o dia nacional das histórias em quadrinhos!

Quando eu era ainda uma criança, eu amava ler os gibis da Turma da Mônica e da Luluzinha. Meus pais sempre os compravam para mim, e eu me deliciava com todas aquelas histórias tão coloridinhas.

Esta data me faz rememorar os meus tempos de aficionada nos HQ’s. Fui leitora deles por muito tempo e hoje tenho um carinho especial pelas personagens que recheavam meu imaginário infantil com suas aventuras de bairro tão singelas e divertidas.

E deixando um pouco de lado a parte das minhas lembranças, vale a pena ressaltar que as histórias em quadrinhos também são ótimos instrumentos para se formar bons leitores. Digo isso por experiência própria porque eles têm grande importância em minha formação como tal, pois, antes de iniciar minha saga com os livros, as revistinhas (como sempre chamei os gibis) funcionaram como uma espécie de precursoras da minha caminhada literária. Isto é tão certo que há um artigo no site EDUCAR PARA CRESCER que corrobora o que eu disse aqui:  “O incrível poder das histórias em quadrinhos”. Leiam porque vale a pena, principalmente pais e professores que são os primeiros incentivadores para que desperte em uma criança o gosto pela leitura.

Agora uma dica legal…

Como toda revista, os gibis precisam ser descartados após um tempo, a não ser que sejam itens de colecionador. Caso não tenha para quem doar ou eles estiverem em condições ruins para manuseio, vale a pena usar as páginas ainda inteiras para reciclagem. Ano passado fiz isso com meus alunos para a Mostra Cultural da escola. Aproveitamos sacolinhas de papel dessas revendedoras de cosméticos e as encapamos com tirinhas dos gibis formando mosaicos de partes de histórias diversas. Basta passar cola branca ou similar em toda a extensão das tirinhas ou da sacola e fazer a colagem sem deixar espaço entre elas. Espere secar bem. Depois, com a ajuda de um pincel largo, “envernize” toda a sacola usando a mesma cola branca. Aplique uma camada para um resultado mais fosco e duas ou mais para um resultado brilhante, conforme a sua preferência. As fotos abaixo não estão muito boas, mas dá para ver o resultado do nosso trabalho. ❤

Sacolinhas literárias…

E aqui, em casa, eu arrisquei encapar uns potinhos de vidro com tirinhas para fazer porta-velas para o meu cantinho de trabalho. Ficou charmosinho, viu?  🙂 Vocês podem fazer com vidros de azeitona ou qualquer outro de conserva.

porta-velas

Dá para fazer também porta-lápis com latinhas de massa de tomate, um quadro bacana para enfeitar a parede (pode fazer o poster ou encapar a moldura), decorar móveis, dar um novo visual a uma mala velha ou personalizar a capa de um caderno. É só colocar a imaginação para funcionar e mandar ver. 😀

E oh! Enquanto vão pensando, corram lá na banca, comprem uns gibis bem divertidos e leiam bastante. rsrsrs

bye-fw

Assinatura blog.fw

Anúncios

Livros como tema de festas?

Meus leitores amados,

Desde semana passada eu estava com vontade de postar o que vai hoje: livros como tema de festas. Isto porque me surpreendi ao pesquisar sobre ideias afins. Descobri que um tantão de gente realiza eventos cujo tema são essas lindezas de minha vida. Aí eu gamei no que encontrei por aí, é claro!

Infelizmente não deu para incrementar a minha festinha com nenhuma das inspirações que mostrarei a seguir, mas que é bem bacana, isto é!

A primeira ideia que escolhi foi esta poque esses livros dos docinhos ficaram perfeitos.

Essa, pelos livros fazendo parte da decoração como apoio para doces. Dá uma olhada na decoração completa: Mães brasileiras. Quem curte vai babar!

Da mesma festa anterior…

Olha o “A culpa é das estrelas” aí! (Ainda não o li… :/)

E esta decoração à la Alice no país das maravilhas? Que coisa mais linda!

Quanta delicadeza! Será que eu teria coragem de partir um bolo como esse?

Bolo em forma de biblioteca!! kkkkk Adorei um montão!

E para fechar com chave de ouro… Ah! Esse até dispensa comentários. Quero pra mim… As estantes com tudo que nelas há, viu?! 😉

Quanta coisa linda, não é, meu povo? Eu fico de olhos arregalados vendo tudo isso. Então, o negócio é pensar em um evento para colocar ideias tão fofas assim em prática. O que será, como será e onde será? Eis a questão. rsrsrsrsrsrs 😀

Um superbeijo!

Assinatura blog.fw

Livros para mim que os quero!

Estimados leitores,

Dia 5 último foi meu aniversário. Eu não ia comemorar, mas abri um evento no Facebook para a família sugerindo que me dessem livros, caso quisessem me presentear, mesmo sem haver festa. E não é que o povo aderiu à proposta?! Só que eu acabei realizando uma festinha para a entrega dos meus desejados a pedidos de todos. “Sem festa, sem presente.” – me disseram.  Fazer o quê, né? rsrsrsrsrs

DSC03204

Então, olhem as minhas novas aquisições…

page 4

–> Como ler livros, O guia clássico para a leitura inteligente, de Mortimer J. Adler.

–> Sempre foi você, de Carrie Elks.

page 2

–> O leitor do trem das 6H27, de Jean-Paul Didierlaurent.

–> Minha sexlist, de Joanna Bolouri.

Page 1

–> Damas de honra, de Jane Costello.

–> A ponte de Haven, de Francine Rivers.

page 3

–> Pela lente do amor, de Megan Maxwell.

–> Baía da esperança, de Jojo Moyes.

Tem também o livro que ganhei da minha família de Muriaé / MG:

A Garota No Trem

–> A garota no trem, de Paula Hawkins.

Resumindo…

Além de todos esses, tenho mais um livro para ganhar e outro para trocar, porque ganhei um repetido. Ebaaaaa!

page 5

Gente, eu adorei a brincadeira! Foi mesmo bastante divertido. Estou até pensando em repetir a dose no próximo ano. Se Deus quiser!

Para os meus amados que me presentearam, muiiiiiiiitoooooo obrigaaaaadaaaaaa! :*

Aos que me leem, um abraço em todos e uma ótima semana!

😀

 Assinatura blog.fw