Opinião: Depois de você, de Jojo Moyes

Como estão, meu leitores queridos?

Acabei de ler Depois de você, de Jojo Moyes…

Nem preciso dizer que estava super a fim de ler este livro, já que amei Como eu era antes de você. Eu preferia que Will estivesse vivo e feliz com Louisa, mas já que não foi esse rumo que a vida dos dois tomou, fiquei na expectativa para saber o que seria da vida dela daí para frente.

Depois de você

Sinopse: Em Depois de Você, Lou ainda não superou a perda de Will. Morando em um flat em Londres (Inglaterra), ela trabalha como garçonete em um pub no aeroporto. Certo dia, após beber muito, Lou cai do terraço. O terrível acidente a obriga voltar para a casa de sua família, mas também a permite conhecer Sam Fielding, um paramédico cujo trabalho é lidar com a vida e a morte, a única pessoa que parece capaz de compreendê-la.
Ao se recuperar, Lou sabe que precisa dar uma guinada na própria história e acaba entrando para um grupo de terapia de luto. Os membros compartilham sabedoria, risadas, frustrações e biscoitos horrorosos, além de a incentivarem a investir em Sam. Tudo parece começar a se encaixar, quando alguém do passado de Will surge e atrapalha os planos de Lou, levando-a a um futuro totalmente diferente.

Comecei o livro no dia em que estava completando quatorze anos que meu pai partiu. Por isto, durante a leitura que abordou a questão da morte, do luto e da superação, fiquei me lembrando dos meus sentimentos naquela época triste da minha vida e me solidarizei com todas as personagens da história que vivenciavam alguma perda. Até mesmo com Lily que aparece na porta da casa de Lou falando que é filha de Will… Pois é. Ele teve uma filha com uma namorada do tempo da faculdade e nem soube disso. Nem ele nem ninguém, a não ser a mãe da garota que seguiu sua vida casando-se com um banqueiro rico, só revelando o segredo para filha quando esta já tinha seus dezesseis anos.

A narrativa tem três focos, na minha visão: a inserção de Lily na vida de todos que tinham Will como o elo, o surgimento de Sam na vida de Lou como um possível recomeço no amor e a própria vida de Lou que precisava passar por uma reestruturação em todos os aspectos. Essas três vertentes deram um dinamismo à história, pois, apesar de assumirem diferentes caminhos para sua resolução, vinham muito bem ligadas entre si, já que Louisa estava no centro de todas elas. Além disso, a história tem um pouco de tudo. Tristeza, frustração, angústia, suspense, adrenalina, amor, comicidade, cumplicidade, esperança…tudo bem misturadinho.

4. Curti muitão.fwBom, o que posso dizer sobre o que ficou desta leitura? Não vai para a minha lista de favoritos, mas eu gostei muitão. Se bem que sou suspeita para falar dos livros de Jojo Moyes, pois sempre me amarro nas histórias dela. A questão é que Depois de você tem um ponto contra que é ser sucessor do Como eu era antes de você que não pode ser superado, na minha opinião. E, olha, ao terminar de ler Depois de você, fiquei com uma impressão de história que terá também continuidade. Sei lá… Podem ser delírios da cabecinha aqui, desejosa de que essa história ainda renda alguns frutos aí pela frente…

Um beijo “procês” e uma ótima semana!

Assinatura blog.fw

Anúncios

Desejados adquiridos em 2016

Saudações!

Esse fim de semana fiz um retrospecto de minhas listas de desejados do ano de 2016 e resolvi assinalar quais eu adquiri até dezembro por meio de compra ou presente, e aqui está o resultado desse levantamento. Passe o mouse sobre as capas para ver a situação do livro na minha estante.

Procura-se um marido, de Carina Rissi – Verus. ❤ ❤ ❤ ❤

Desde o primeiro instante, de Mhairi Mcfarlane – Novo Conceito. ❤ ❤ ❤ ❤

A amante do oficial, de Pam Jenoff – Harper Collins Brasil.

A ponte de Haven, de Francine Rivers –Verus Editora –>  Ver opinião no blog

O lado feio do amor, de Colleen Hoover – Galera Record. –>  Ver opinião no blog

Pela lente do amor, de Megan Maxwell – Essência –>  Ver opinião no blog

Sempre foi você, de Carrie Elks – Universo dos Livros. ❤ ❤ ❤

Eu sou o mensageiro, de Markus Suzak – Intrínseca.

O nome do vento – A crônica do matador do rei: primeiro dia, de Patrick Rothfuss.

Dançando sobre cacos de vidro, de Ka Hancock –Arqueiro. ❤ ❤ ❤ ❤ ❤

Para onde ela foi, de Gayle Forman – Novo Conceito. ❤ ❤ ❤

Como ler livros, O guia clássico para a leitura inteligente, de Mortimer J. Adler – É realizações.

A garota no trem, de Paula Hawkins – Record. –>  Ver opinião no blog

Como água para chocolate, de Laura Esquivel – BestBolso.

Damas de honra, de Jane Costello. –>  Ver opinião no blog

Depois de você, de Jojo Moyes – Intrínseca. –>  Ver opinião no blog

Com amor, Anthony, de Lisa Genova – Nova Fronteira.

Minha sexylist, de Joanna Bolouri – Rocco. ❤ ❤ ❤

O leitor do trem das 6h27, de Jean-Paul Didierlaurent. – Intrínseca. ❤ ❤ ❤

E-Books –

Sr. Daniels, de Brittainy C. Cherry – Record.

Seis anos depois, de Harlan Coben – Arqueiro.

Persuasão, de Jane Austen – L&PM.

Há outras aquisições que foram feitas durante o ano passado que não entraram no rol dos desejados, mas aí já é uma lista para um outro post. 😀

Que esta semana seja formidável!

Abração!

Assinatura blog.fw

Opinião: Baía da esperança, de Jojo Moyes

Leitores lindinhos,

Estava observando meus livros esses dias e me dei conta de que tomei a Jojo Moyes como uma de minhas escritoras preferidas, junto a Marian Keyes, já que os títulos dela estão tomando um bom espaço nas minhas prateleiras.

Jojo

Inclusive, no meu ultimo aniversário, ganhei mais um livro da autora, o Baía da esperança.

Resultado de imagem para baia da esperança

Sinopse: Seis anos depois de ter saído da Inglaterra, a melancólica e reservada Liza McCullen é a responsável por um barco de observação de baleias e golfinhos em Silver Bay, na Austrália, onde também administra com a tia, Kathleen, o Hotel Baía da Esperança, que já viu dias melhores. Hospedado no hotel de Liza, Mike Dormer está lá a negócios: depende dele o pontapé inicial do projeto de um resort de luxo. Enquanto sua noiva, em Londres, finaliza os planos do casamento, Mike tem de conseguir a licença para a construção do empreendimento, algo que terá profundo impacto na fauna de Silver Bay e consequências drásticas para a vida dos moradores, inclusive a de Liza, que guarda um grande segredo e correrá perigo caso precise se mudar dali. Quando o mundo de Mike e Liza colidem de forma irremediável, eles precisam encarar os próprios medos para salvar o que amam. Com personagens cativantes em um cenário encantador, Baía da Esperança é um romance comovente e irresistível, repleto do humor e da generosidade que marcam as obras de Jojo Moyes.

Então, é assim…

Sobre a história, já li outras de Jojo mais arrebatadoras, como, por exemplo, A garota que você deixou para trás e Um mais um. Deste, inclusive, já falei aqui no blog. No entanto, Baía da esperança guarda em sua narrativa uma delicadeza nas relações entre as personagens que é contagiante, e acredito que foi isso que me prendeu ao livro. Acontecem coisas ruins e tristes na história de Liza e sua família, é claro, mas, como o próprio nome do livro refere-se, a esperança de que dias felizes virão faz com que os acontecimentos narrados sejam todos reflexo do que vivemos no nosso próprio dia a dia, ou seja, as coisas vão tomando os seus lugares aos poucos e sem muito auê. É, portanto, um livro que nos leva mais a uma viagem tranquila do que a emoções eletrizantes que nos fisgam a todo momento, quando lemos A HISTÓRIA. 😀

Por isso, colegas, se vocês não curtem narrativas mais calminhas, não se hospedem nesse hotel, porque o Baía da esperança não é cinco estrelas. Está mais para uma pensão simplória que resiste ao tempo, tentando manter o seu charme e aconchego. Para os que não se importam com a falta de luxo, é uma boa pedida para relaxar a mente e repensar a vida antes de dormir, afinal uma boa noite de sono também é muito importante para a nossa saúde, concordam? rsrsrs

Beijocas!

Assinatura blog.fw

Livros desejados da semana

Leitores queridos,

Nas últimas semanas aumentei consideravelmente a minha relação de livros desejados e fico sempre de butuca para ver se consigo pelo menos alguns na oferta para comprar. Há títulos cujo preço não abaixa de jeito algum, aí bate um desânimo… 😦 Fazer o quê, né? Como para desejar não se paga nada, vamos aos escolhidos da semana para entrar no cadastro do Skoob e deixar minha lista maior ainda. 😀

1. A ponte de Haven, de Francine Rivers – Verus Editora

A Ponte de Haven

“Hollywood, década de 50. Lena Scott é a estrela mais quente a chegar às telonas desde Marilyn Monroe. Poucos sabem que seu verdadeiro nome é Abra. Menos ainda sabem o preço que ela pagou para finalmente sentir que é alguém.Para o pastor Ezekiel Freeman, Abra sempre será a menininha que roubou seu coração na noite em que ele a encontrou, recém-nascida, abandonada debaixo de uma ponte nos arredores de Haven. Ele e seu filho, Joshua, a observam crescer e se tornar uma mulher de beleza exótica. Mas Ezekiel sabe que as circunstâncias do nascimento de Abra deixaram cicatrizes profundas em seu coração, que a tornam vulnerável a um homem charmoso e persuasivo, o qual a atrai para o mundo glamoroso e superficial do cinema.Hollywood parece estar a um milhão de quilômetros de Haven, e a ingênua Abra aprende rapidamente o que se espera de uma garota ambiciosa e deslumbrada. Mas ela vai descobrir tarde demais que a fama chega a um preço terrível. Abra queimou todas as pontes para obter exatamente o que achava que queria. Agora, o que ela mais quer é um caminho de volta para casa.Nesta envolvente saga sobre tentação, graça e amor incondicional, a autora de Amor de redenção nos brinda com uma narrativa de fôlego, que vai permanecer no seu coração muito além da última página.”

2. O lado feio do amor, de Colleen Hoover – Editora Galera Record.

O Lado Feio do Amor

“Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo… apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.”

3. Pela lente do amor, de Megan Maxwell.

Pela Lente Do Amor

“Ana Elizabeth troca o luxo e a riqueza da sua aristocrática família londrina pelas ‘calles’ madrilenas, em busca do seu sonho: ser fotógrafa. Dona do seu nariz, ela monta com a amiga Nekane um estúdio fotográfico na capital espanhola e segue seu caminho de sucesso. No dia em que o prédio onde trabalham enfrenta um incêndio, Ana conhece Rodrigo, um dos bombeiros que atendem ao chamado da ocorrência. A troca de olhares aquece não só o corpo da fotógrafa, mas também seu coração e ela se entrega à inusitada amizade – com benefícios – que nasce entre eles. Apesar de cúmplices, um balde de água fria vai comprometer a liga dessa relação, quando Rodrigo – um mulherengo de carteirinha – descobrir que sua querida Ana está grávida de um turista suíço que passou por sua vida sem passagem de volta e de quem ela só sabe o nome. E o que dirá sua pomposa família quando souber que ela está grávida de um desconhecido e é amante de um bombeiro pobretão? Só a leitura do livro revelará!”

4. Seis anos depois, de Harlan Coben – Editora Arqueiro.

Seis Anos Depois

“Jake Fisher e Natalie Avery se conheceram no verão. Eles estavam em retiros diferentes, porém próximos um do outro. O dele era para escritores; o dela, para artistas. Eles se apaixonaram e, juntos, viveram os melhores meses de suas vidas. E foi por isso que Jake não entendeu quando Natalie decidiu romper com ele e se casar com Todd, um ex-namorado. No dia do casamento, ela pediu a Jake que os deixasse em paz e nunca mais voltasse a procurá-la.
Jake tentou esconder seu coração partido dedicando-se integralmente à carreira de professor universitário e assim manteve sua promessa… durante seis anos.
Ao ver o obituário de Todd, Jake não resiste e resolve se reaproximar de Natalie. No enterro, em vez de sua amada, encontra uma viúva diferente e logo descobre que o casamento de Natalie e Todd não passou de uma farsa.
Agora ele está decidido a ir atrás dela, esteja onde estiver, mas não imagina os perigos que envolvem procurar uma pessoa que não quer ser encontrada.
Em Seis Anos Depois Harlan Coben usa todo o seu talento para criar uma trama sensacional sobre um amor perdido e os segredos que ele esconde.”

5. Sempre foi você, de Carrie Elks – Editora Universo dos Livros.

Sempre Foi Você

“Richard, nós tivemos um bebê.
Londres, 31 de dezembro de 1999. Aos 17 anos, a britânica Hanna Vincent conhece o americano Richard Larsen: um estudante rico, encantador e sedutor que vai virar seu mundo de ponta-cabeça. Um relacionamento entre eles é improvável, já que vivem em mundos completamente diferentes. Mas aos poucos uma grande amizade vai surgindo e leva os dois a uma relação explosiva, cheia de paixão, amor e aventura.
Emocionante e comovente, Sempre Foi Você é uma genuína história de amor. Você daria uma segunda chance ao amor da sua vida?”

Vendo essas minhas novas escolhas, fico pensando com meus botões: um leitor ávido é assim mesmo, né? Tem uma pilha de livros esperando para ser lida e sempre quer comprar títulos novos. Que dureza!  😀 😀 😀

Beijocas “proceis”!

Assinatura blog.fw

Retomando os trabalhos

Bem-vindo 2017!

E aqui estou eu de volta, retomando meus registros no blog. Não que eu tenha parado minhas leituras ou deixado meu universo dos livros de lado nesses últimos meses, mas meu trabalho na escola no final de ano foi realmente intenso e não tive como nem pensar em postar alguma coisinha que fosse, tamanho foi o meu cansaço. Agora, depois de alguns dias de férias, sinto-me mais relaxada para organizar minhas ideias e, consequentemente, fazer novas postagens. Estou até animadinha, viu?! 😀

Como estamos em início de ano, época em que traçamos metas e nos propomos desafios, hoje vou de “os primeiros livros desejados de 2017”.

listinha

1. O céu é logo ali, de Lilian Farias – Editora Literata.

O céu é logo ali

Sinopse: O céu é logo ali se desenvolve em um turbilhão de sentimentos, em facetas representadas por duas personagens e o que as cercam, com desejos, sonhos, lembranças, descobertas e inquietações marcando um encontro em que histórias paralelas se unem pelo mesmo ideal- liberdade! Mas, o que é a liberdade? O que aprisionava Dolores e Clarice para que o encontro pudesse salvar suas almas encarceradas? Ao adentrarmos nos mundos distintos dessas duas jovens, mergulhamos numa profusa miscigenação de anseios, lutas, estratégias de sobrevivência. A história de duas mulheres que unidas pelo destino resolvem aflorar todo fluxo de sobrevivência do ser , do corpo, da alma, da mente, que advém quando se é permitido ser livre. Liberdade, essa, assemelhada a quem saboreia o voo das borboletas.

2. O tempo das borboletas, de Andrea Portes – Editora HapperCollins.

O Tempo das Borboletas

Sinopse: Willa Parker, a menos popular dos 646 moradores da cidade de What Cheer, Iowa, está prestes a mudar de vida. Ela escolheu esta mudança? Não, afinal isso seria fácil demais — e nada para Willa é fácil. Veio de sua mãe (ausente) superfamosa e genial a ideia de mandar a filha para o caro e exclusivo colégio interno Prembroke, e é só pelo sobrenome que ela consegue uma vaga por lá. Mas Willa não faz questão nenhuma de encontrar seu lugar em Prembroke. Já está decidida a não ficar muito tempo, de qualquer maneira. Está prestes a tomar uma decisão drástica, mas quando conhece a exótica e intoxicantemente estilosa Remy Taft, a garota mais rica e mais misteriosa do campus, Willa começa a desejar, de alguma forma, se encaixar naquele estranho mundo. Quando Willa olha para a amiga, vê alguém que tem tudo que poderia desejar, mas esse privilégio tem um preço. Quando as loucuras de Remy começam a sair do controle, Willa percebe que, em um piscar de olhos, pode perder tudo que lhe deu forças para continuar. Em uma história tocante sobre amizade, vícios e recomeços, Andrea Portes criou um romance inesquecível, capaz de retratar as alegrias efêmeras e as profundas dores de amar alguém que deseja, mais que tudo, voar.

3. Confissões de um amigo imaginário, de Michelle Cuevas – Editora Galera Jovem.

Confissões de Um Amigo Imaginário

Sinopse: Uma imperdível aventura de alguém que descobre existir apenas na imaginação de uma garotinha. Um livro para todos aqueles que, um dia, já se sentiram à margem, deixados de lado… invisíveis Jacques tem uma leve suspeita de que ninguém gosta dele. Professores o ignoram solenemente quando levanta a mão e até mesmo seus pais precisam ser lembrados de colocar um lugar à mesa para ele! Graças a Deus por Fleur, a irmã e companheira constante. Mas então Jacques descobre uma verdade devastadora: ele não é o irmão de Fleur; é seu amigo imaginário! E aí começa uma tocante e divertida busca por seu eu verdadeiro. Uma imperdível jornada em busca do significado da vida leva Jacques de encontro às mais peculiares crianças, imaginárias e reais, e o faz descobrir a incrível e invisível maravilha de ser quem se é.

4. Sing – uma canção sobre o amor, de Vivi Greene – Editora HapperCollins.

Sing

Sinopse: A cantora premiada e ícone do pop Lily Ross apresenta seus maiores hits e piores foras (porque para ela são sinônimos):
1. Agonia (O que sentiu quando o ex partiu seu coração em pedacinhos e ela nem sabia o que estava acontecendo.)
2. Fantasmas (Porque até pessoas famosas sofrem com namorados que simplesmente desaparecem. E é horrível da mesma forma.)
3. Gato Escaldado (Do ditado: “tem medo de água fria”. Ou seja, ela nunca mais vai sair com um ator ou músico na vida.)
Mas este verão será diferente. Depois de ter seu coração partido mais uma vez, Lily precisa se afastar dos holofotes, e uma viagem com as melhores amigas parece perfeita. Três meses em uma ilhota perdida no litoral do Maine, com foco total em si mesma, sua música, seu novo disco… Tudo menos garotos. Isto é, até que Lily conhece Noel Bradley, um cara doce, simples e completamente diferente de todos os homens com quem ela já saiu. De repente, o “verão da Lily” dá um giro de cento e oitenta graus, e ela se vê envolvida em uma paixão de verão arrebatadora e inesquecível. O problema é que Noel não está interessado na vida de celebridade, e embora Lily o ame, ela também ama sua música, sua vida e seus fãs. Mais cedo ou mais tarde, ela vai ter que escolher…

5. A esperança é uma torta de maçã, de Sarah Moore Fitzgerald – Editora Galera Júnior

A esperança é uma Torta de Maçã

Sinopse: Um romance delicado sobre pertencimento, primeiros amores e bullying Oscar é o melhor amigo e vizinho de porta de Meg. Ele tem o incrível dom de consertar qualquer problema assando tortas de maçã perfeitas. Mas nem suas renomadas tortas conseguem aplacar a tristeza de seu pai, ainda de luto pela morte da esposa. Quando Meg recebe a notícia de que irá se mudar para a Nova Zelândia por seis meses, ela fica devastada com a ideia de ficar tanto tempo longe do amigo. Para piorar tudo, a casa de Meg é alugada pela família da terrível Paloma Killealy, que inventa todo tipo de mentiras sobre o garoto na escola. De repente, Oscar desaparece. Sua bicicleta e suas roupas são encontradas no litoral, e todos acreditam que o pior aconteceu e ele cometeu suicídio. Com a ajuda do irmãozinho de Oscar, Meg decide investigar o paradeiro dele, e por mais difícil que seja, nunca abrir mão da esperança.

6. A livraria dos finais felizes, de Katarina Bivald – Editora Suma de Letras.

A Livraria dos Finais Felizes

Sinopse: Sara tem 28 anos e nunca saiu da Suécia — a não ser através dos (vários) livros que lê. Quando sua amiga Amy, uma senhora com quem troca livros pelo correio há anos, a convida para visitá-la na cidade de Broken Wheel, Iowa, Sara decide se aventurar. Mas ao chegar lá, descobre que Amy faleceu. Sara se vê desacompanhada na casa da amiga, em uma cidade muito pequena, e começa a pensar que talvez esse não seja o tipo de férias que havia planejado.Com o tempo, Sara descobre que não está sozinha. Nessa cidade isolada e antiga, estão todas as pessoas que ela conheceu através das cartas da amiga: o pobre George, a destemida Grace, a certinha Caroline e Tom, o amado sobrinho de Amy. Logo Sara percebe que Broken Wheel precisa desesperadamente de alguma aventura, um pouquinho de autoajuda e talvez uma pitada de romance. Resumindo: a cidade precisa de uma livraria.

7. O encantador de livros, de Lucas de Souza – Editora Ler Editorial.

O Encantador de Livros

Sinopse: Aventure-se na Cidade dos Livros ― um lugar mágico, onde a leitura é mais que uma paixão, os moradores são leitores insaciáveis e as árvores são recheadas de frutos e livros. Conheça o Encantador de Livros, um contador de histórias capaz de fazer os livros voarem, e Benjamim, um menino analfabeto que, juntamente com seus amigos, terá que salvar a cidade de uma terrível ameaça.
Um romance infanto-juvenil que desperta a consciência para a importância da leitura e as ações transformadoras que ela pode gerar.

8. Cabeças de ferro (Volume 1), de Carol Sabar – Editora Jangada.

Cabeças de Ferro

Sinopse: Nem em seus piores pesadelos, Malu imaginava que sua vida universitária começaria tão tumultuada!
Ela acaba de ser aprovada no concorridíssimo vestibular da “Universidade dos Cabeças de Ferro”, e agora, com o apoio de Nicolas – que sonha ser muito mais que seu amigo –, prepara-se para encarar o temido trote da Engenharia.
O veterano designado para aplicar o trote em Malu é ninguém menos que Artur Cantisani, o seu sexy arqui-inimigo, responsável pela humilhação que ela sofreu aos 11 anos de idade, na frente de toda a escola.
Inesperadamente, porém, quando o trote começa, Artur despeja a gosma não em Malu, mas em outra caloura, que sofre um choque anafilático! Veteranos e calouros fogem, deixando Malu, Artur e Nicolas sozinhos na “cena do crime”.
Mas por que a gosma despejada na caloura era a única de cor diferente? E por que todas as outras garrafas com gosma desapareceram sem deixar rastro? Alguém estaria tentando ocultar provas? Os estudantes da Engenharia estariam na mira de um assassino?
Envolvidos até o pescoço, Malu e Artur, apesar de se odiarem, não têm outra saída a não ser unir seus cérebros brilhantes para desvendar o que há por trás de tanto mistério.

9. Novembro, 9, de Colleen Hoover – Editora Galera Record.

Novembro, 9

Sinopse: Autora número 1 da lista do New York Times retorna com uma história de amor inesquecível entre um aspirante a escritor e sua musa improvável.
Fallon conhece Ben, um aspirante a escritor, bem no dia da sua mudança de Los Angeles para Nova York. A química instantânea entre os dois faz com que passem o dia inteiro juntos – a vida atribulada de Fallon se torna uma grande inspiração para o romance que Ben pretende escrever. A mudança de Fallon é inevitável, mas eles prometem se encontrar todo ano, sempre no mesmo dia. Até que Fallon começa a suspeitar que o conto de fadas do qual faz parte pode ser uma fabricação de Ben em nome do enredo perfeito. Será que o relacionamento de Ben com Fallon, e o livro que nasce dele, pode ser considerado uma história de amor mesmo se terminar em corações partidos?

10. Novamente você, de Juliana Parrini – Editora Suma de Letras.

Novamente Você

Sinopse: Maria Rita foi embora para nunca mais voltar. Deixou para trás o marido, os pais, as irmãs e uma vida de pobreza em uma cidade pequena da qual sempre quis sair. Doze anos depois, ela volta como partiu: sem maiores explicações. Mas agora Maria Rita é a sofisticada Miah, acostumada ao glamour e à vida superficial de Hollywood. Ao chegar, ela se dá conta de que não foi a única que mudou: seu ex-marido, Leonardo Júnior, agora é um homem bem-sucedido, diferente do caiçara com quem ela se casou ainda muito jovem. Empresário de sucesso, Léo parece ter superado o trauma de ser abandonado pelo grande amor de sua vida, até que reencontra a mulher que pensou que nunca mais veria. Apesar da mágoa, ele não consegue deixar de ter vislumbres de sua Maria Rita sob a pele da arrogante Miah. E resistir à antiga paixão será o maior desafio que já enfrentou.

Uauuu! Está de bom tamanho essa listinha de hoje, certa de que em breve terei todos eles em minhas mãos. rsrsrs

Abraços…

Assinatura blog.fw

Desejados do mês de Julho

IlloImages/BookshopLgFull.jpg

Meus queridinhos leitores,

Resolvi fechar Julho com um post de desejados do mês. Mas, meu povo, é muito livro que eu adoraria ter, viu?! Os que listo aqui correspondem somente a uma gotinha d’água no oceano. rsrsrsrsrs Ai.. ai… 🙂

Então vamos lá!

1. Nas asas do amor, de Sarah Sundin – Editora Quinta Essência.

Nas Asas do Amor

Sinopse: Allie nunca foi suficientemente bonita para agradar à sua deslumbrante mãe, por isso fará qualquer coisa para ter a sua aprovação: até casar com um homem que não ama. Enquanto Allie quase se resigna ao seu destino, o tenente Walter Novak – destemido na cabina de pilotagem, mas sem jeito para as mulheres – vai a casa na sua última licença antes de ser enviado para a Europa, combater pela Royal Air Force durante a Segunda Guerra Mundial. Walt e Allie conhecem-se e o seu amor pela música junta-os, fazendo-os começar uma correspondência que mudará as suas vidas. Enquanto as cartas vão e vêm entre a base de bombardeiros de Walt, em Inglaterra, e a mansão de Allie, a amizade que cresce entre os dois une-os. Mas serão eles capazes de resolver os segredos, compromissos e expetativas que os separaram?

2. O ano em que te conheci, de Cecelia Ahern – Editora Novo Conceito .

O Ano em que Te Conheci

Sinopse: Bem-vindos ao mundo imperfeito de Jasmine e Matt. Vizinhos, eles não têm o menor interesse em tornarem-se amigos e nunca haviam se falado antes. Estavam sempre ocupados demais com suas carreiras para manter qualquer tipo de contato. Jasmine, mesmo sem nunca tê-lo encontrado, tem motivos para não suportar Matt. Ambos estão em uma licença forçada do trabalho e sofrendo com seus dramas familiares. Eles precisam de ajuda. Na véspera de Ano-Novo, os olhares de Jasmine e Matt se encontram de forma inusitada pela primeira vez. Eles têm muito tempo livre e precisam rever seus conceitos para poder seguir em frente.Conforme as estações do ano passam, uma amizade improvável lentamente começa a florescer.

3. As épicas aventuras de Lydia Bennet, de Kate Rorick – Editora Verus.

As Épicas Aventuras de Lydia Bennet

Sinopse: Continuação de O diário secreto de Lizzie Bennet, a adaptação moderna de Orgulho e preconceito Baseado na premiada série de web The Lizzie Bennet Diaries — uma adaptação moderna e transmídia de Orgulho e preconceito —, este livro é estrelado por Lydia, a espevitada irmã de Lizzie, conforme ela encara as alegrias e os tropeços no caminho de se tornar adulta na era digital. Antes de Lizzie começar seu popular vlog, Lydia era apenas uma garota normal tramando maneiras de matar aula e criar a identidade falsa perfeita para entrar nas baladas. Talvez ela não tivesse muito foco, mas amava sua família e se divertia para valer. Até que o vlog de Lizzie transformou as irmãs Bennet em sensações da internet, e Lydia adorou virar o centro das atenções, conforme as pessoas assistiam, debatiam, postavam no Twitter, no Tumblr e em blogs sobre a vida dela. Mas então Lydia aprendeu que nem toda atenção é positiva… Depois que seu ex-namorado, George Wickham, aproveitou a fama recém¬adquirida de Lydia, traiu sua confiança e destruiu sua reputação, ela não é mais uma garota ingênua e despreocupada. Agora, Lydia terá de batalhar para reconquistar a confiança e o respeito de sua família e encontrar seu lugar no mundo. Narrado na voz inconfundível e cativante de Lydia, este livro começa exatamente no ponto em que O diário secreto de Lizzie Bennet parou e oferece uma nova abordagem a Orgulho e preconceito. Apresentando reviravoltas originais, novos personagens incríveis e textos hilariantes, As épicas aventuras de Lydia Bennet leva o leitor para dentro da vida de nossas irmãs favoritas, de um jeito que certamente vai agradar quem já é fã da série — e de Jane Austen de modo geral — e encantar novos leitores.

4. Antes de partr, de Collen Oakley – Editora Bertrand do Brasil.

Antes De Partir

Sinopse: Na véspera do que esperava ser uma triunfante comemoração de três anos livre do câncer, Daisy, 27 anos, sofre um golpe devastador: seu médico lhe diz que a doença está de volta, desta vez ainda mais agressiva. Tendo apenas de quatro a seis meses de vida, ela está apavorada com o que será de seu marido, Jack, quando não estiver mais lá para cuidar dele. Esse medo tira seu sono, até que uma solução lhe vem à mente: ela precisa encontrar outra mulher para ele. Com uma determinação singular, Daisy visita parques, cafeterias e sites de relacionamento à procura do par perfeito para Jack. Mas, à medida que ela avança em sua busca, ela se vê forçada a decidir o que é mais importante no curto tempo que lhe resta: a felicidade de seu marido ou a sua própria?

5. A probabilidade estatística do amor à primeira vista, de Jennifer E. Smith – Editora Galera Record.

A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista

Sinospe: Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.

6. O navio das noivas, de Jojo Moyes – Editora Intrínseca.

O navio das noivas

Sinopse: Austrália, 1946. É terminada a Segunda Guerra Mundial, chega o momento de retomar a vida e apostar novamente no amor. Mais de seiscentas mulheres embarcam em um navio com destino a Inglaterra para encontrar os soldados ingleses com quem se casaram durante o conflito. Em Sydney, Austrália, quatro mulheres com personalidades fortes embarcam em uma extraordinária viagem a bordo do HMS Victoria, um porta-aviões que as levará, junto de outras noivas, armas, aeronaves e mil oficiais da Marinha, até a distante Inglaterra. As regras no navio são rígidas, mas o destino que reuniu todos ali, homens e mulheres atravessando mares, será implacável ao entrelaçar e modificar para sempre suas vidas. Enquanto desbravam oceanos, os antigos amores e as promessas do passado parecem memórias distantes. Ao longo da viagem de seis semanas — apesar de permeada por medos, incertezas e esperanças — amizades são formadas, mistérios são revelados, destinos são selados e o felizes para sempre de outrora não é mais a garantia do futuro que foi planejado.
Com personagens únicas e uma narrativa tocante, Jojo Moyes conta uma história inesquecível que captura perfeitamente o espírito romântico e de aventura desse período da História, destacando a bravura de inúmeras mulheres que arriscaram tudo em busca de um sonho.

7. Desde o primeiro instante, de Mhairi Mcfarlane – Editora Novo Conceito.

Desde O Primeiro Instante

Sinopse: Rachel acabou de romper um noivado e está decidindo o que vai fazer da vida. Quando ela se encontra casualmente com Ben, um amigo dos tempos da faculdade, seu coração balança. Na época não rolou, mas agora ele parece tão mais interessante…
O problema é que Ben está casado, “fora do mercado”, como se costuma dizer. Ok, hora de partir para outra. Rachel não é nenhuma mocinha ingênua, dessas que se deixam levar pela emoção. O fato de Ben ser lindo, educado, engraçado, nobre e fiel não é suficiente para tirar Rachel do seu eixo. Claro que não.Na verdade, ele é O Companheiro Perfeito. Pena que seja tão fiel! Apaixonar-se pelo melhor amigo é o sentimento mais gostoso do mundo, mas também é assustador.

8. Sem olhar para trás, de Lycia Barros – Editora Valentina.

Sem Olhar para Trás

Sinopse: O novo romance da escritora Lycia Barros narra um drama super comum da sociedade ao longo dos séculos. Um mal que acomete, principalmente, as mulheres. Afinal, quando coagidas, agimos de forma equivocada e facilmente somos influenciadas por nossos medos. No entanto, muitas vezes o sofrimento é o melhor remédio para acordar o espírito. E sempre há tempo para refazermos a nossa trajetória, onde algo surpreendente pode estar nos esperando no fim da linha. Esse é o foco da história de Agatha: é preciso força para recomeçar. As cicatrizes ficam, mas a força de reação é maior.

Sabem de uma coisa? Acho que poderia chover livros no meu quintal… 🙂 Só acho. kkkkkk

Uma beijoca para cada um de vocês!

Assinatura blog.fw

Opinião: O lado feio do amor, de Colleen Hoover

Ah, meus leitores lindinhos…

Como ler é bom, né?! Gosto tanto que, quando eu pego um livro cuja história me prende, eu devoro a obra. Aí, ao ler O lado feio do amor eu o engoli. Gastei o quê, uns dois dias, e não queria que acabasse a história, viu?! rsrsrs

O_LADO_FEIO_DO_AMOR__1436538322515134SK1436538322B

Quando eu escolhi O lado feio do amor como um dos meus desejados da semana – 07 de março -, lembro que a capa do livro foi uma das coisas que mais me chamou a atenção junto ao título. Nem imaginei que relação haveria com a história, assim como durante boa parte da leitura também não. Só sabia que um homem se recusava terminantemente a viver o amor em sua vida de novo. Assim fui lendo O lado feio do amor sem dar pausa porque eu fiquei ansiosa para saber por qual motivo alguém se recusaria amar e ser amado estando esse sentimento bem à sua porta, batendo incessantemente.

O nome desse alguém é Miles Archer, um jovem e competente piloto de avião que guarda em segredo uma experiência do passado com a qual não consegue lidar, quando o assunto é se envolver amorosamente com uma mulher. Por seis anos ele evitou a todo custo se apaixonar e foi bem sucedido em seu objetivo até que ele conhece Tate Collins, irmã de seu amigo e também piloto, Corbin, e vê seus planos ameaçados, já que ela, depois de tanto tempo, é a primeira mulher que torna a mexer com seus instintos.

A história começa com Tate chegando para morar com seu irmão em São Francisco, pois vai fazer um curso de enfermagem na cidade, e encontra Miles bêbado e escornado na porta do apartamento 1816. Daí até que se envolvam sexualmente é um pulinho, e por um bom tempo o que Tate e Miles compartilham conosco são boas doses de sexo sem compromisso que chegam até a causar um certo enfado em uma determinada parte da narrativa. No meio disso, há os capítulos em que Miles vai contando sobre sua vida com Rachel, quando tinha lá seus dezoito anos e ela também. Entre as transas de Miles com Tate e o amor por Rachel, a história vai rolando, vai rolando, vai rolando… Chega, então, a parte tão esperada por mim: a revelação de qual é o lado feio do amor para Miles, moral de toda a trama. É… Realmente o amor pode ter um lado bem feio…

As minhas considerações finais são sobre a construção da narrativa. A autora usou o recurso de capítulos em prosa e capítulos em versos que, quem ler o livro, acredito eu, terá a sensibilidade de captar a intenção dela. Eu amei! Além disso, quero comentar que as cenas repetitivas de sexo entre Tate e Miles, na minha opinião, tiveram também um propósito. Após revelado o passado de Miles, elas não são mais narradas, dá-se espaço para outros focos (ou será que é coisa da minha cabeça?). E para fechar, a linda capa do livro faz uma triste e poética referência à história, posso dizer até que é um resumo da vida de Miles até conhecer Tate, afinal o amor pode ter um lado feio, mas tem o lado bonito e libertador também.

O lado feio do amor então estáAprovado.fw

Um grande abraço!

Assinatura blog.fw

Escolhas da semana: literatura juvenil

Estimados leitores,

Creio que já falei aqui que sou professora e, como trabalho com adolescentes, gosto muito de ler obras destinadas ao publico juvenil para estar um pouco por dentro do que o mercado oferece a eles. Por isso, as escolhas desta semana são livros para este público, e eu procurei inserir na minha lista obras cujas sinopses me apresentaram propostas interessantes, afinal não é minha intenção ler uma história só para conhecê-la, mas para curtir também.

Então, sem maiores chorumelas, vamos às escolhas de hoje. 😀

1. Corações de alcachofra, de Sita Brahmachari – Editora Galera Record.

Corações de Alcachofra

“Mira Levenson tem 12 anos e raros momentos de tédio. Mas não imaginava que seria obrigada a lidar com um sentimento totalmente novo e possivelmente o mais difícil de sua vida em meio a todo esse turbilhão: sua avó, Josie, uma excêntrica e animada pintora, está com câncer e pretende encarar a última fase da vida como sempre encarou tudo, de cabeça erguida e com bom humor. Enquanto tenta lidar com o que está por vir (com a ajuda de seu presente de aniversário, um diário), Mira vai descobrindo que não é a única com segredos e, aos poucos, compreende que, assim como um coração de alcachofra, nosso próprio coração sempre tenta proteger a parte mais preciosa.”

2. Uma história meio que engraçada, de Ned Vizzini – Editora Leya.

Uma História Meio Que Engraçada

“O que aconteceria se você descobrisse que a maior idealização da sua vida não era aquilo que você esperava? O adolescente Graig Gilner vai perceber que, até mesmo ao atingir um objetivo, nem sempre as coisas saem da forma como deveriam. Mas aprenderá também que, mesmo nas adversidades, é possível fazer novos amigos, se apaixonar e encontrar motivos para viver. Como muitos adolescentes determinados a vencer na vida, Craig Gilner acredita que asua entrada na Executive Pre-Professional High School de Manhattan é o passaporte para o seu futuro. Obstinado a ter uma vida de sucesso, Craig estuda dia e noite para gabaritar no exame de admissão, e consegue. A partir daí, o que deveria ser o dia mais importante da sua vida, acaba marcando o início de um sufocante pesadelo.”

3. Elena, a filha da princesa, de Marina Carvalho – Editora Galera Record.

Elena

“Elena é filha de Ana, princesa e herdeira da Krósvia. Quando descobre que a mãe enfrenta uma gravidez de risco, Elena precisa voltar às pressas para casa depois de uma temporada como voluntária em causas sociais na Nigéria. De volta ao lar, Elena encontra a monarquia abalada por um movimento separatista e uma antiga paixão que parecia adormecida: Luka, seu primo com fama e atitude de bad-boy-sangue-azul. A química entre os dois sempre foi evidente, desde o primeiro beijo roubado – dele em uma virginal Elena de 13 anos -, mas agora ela também é adulta e sabe muito bem o quer. E quem quer.”

4. Simon vs. a agenda Homo Sapiens, de Becky Albertalli – Editora Intrínseca.

Simon vs. a agenda Homo Sapiens

“Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.
Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu.
Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas, explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos encontrarmos.”

5. Duff, de Kody Keplinger – Editora Globo Alt.

Duff

“Bianca Piper não é a garota mais bonita da escola, mas tem um grupo leal de amigas, é inteligente e não se importa com o que os outros pensam dela (ou ela acha). Ela também é muito esperta para cair na conversa mole de Wesley Rush – o cara bonito, rico e popular da escola – que a apelida de DUFF, sigla em inglês para Designated Ugly Fat Friend, a menos atraente do seu grupo de amigas. Porém a vida de Bianca fora da escola não vai bem e, desesperada por uma distração, ela acaba beijando Wesley. Pior de tudo: ela gosta. Como válvula de escape, Bianca se envolve em uma relação de inimizade colorida com ele. Enquanto o mundo ao seu redor começa a desmoronar, Bianca descobre, aterrorizada, que está se apaixonando pelo garoto que ela odiava mais do que tudo.”

A parte mais difícil desses posts é a ansiedade que bate para adquirir os livros. Ah, se eu fosse milionária! rsrsrs

Até a próxima!

Assinatura blog.fw

WordPress.com.

Acima ↑