Desejados do mês de setembro

Meu amadinhos (como diz a Chayene)!!!

Outubro acaba de dar as caras neste ano tão corrido, não é mesmo! Tanto que a minha listinha de desejados está cada vez maior. O tempo passa, o tempo voa, mas a poupança da Dedea não continua numa boa e, por isso, a grana anda curta para dar conta do crescimento do rol de livros que quero. Deem uma olhada…

desejados-1

desejados-2

E o mais engraçado disso tudo é que no dia em que eu conseguir ter todos estes, já terei muitos outros acrescentados aí. Vida de leitor não é fácil, não. rsrsrsrs

Bom, mas vamos ao que de fato interessa hoje: ao garimpados no mês de setembro.

1. Acordar outra vez, de Joshua Ferris – Editora Globo Livros.

Acordar Outra Vez

Sinopse: Paul O’ROuRke — dentista extraordinário, nova-iorquino com uma relação de amor e ódio com a cidade, ateu declarado, um descontente torcedor do Red Sox e apreciador de um bom mocaccino — é um jovem sem contato com a vida moderna. O mundo milimetricamente organizado de Paul sai dos eixos quando alguém começa a se passar por ele na internet.
Paul assiste com horror impotente como um site, uma página no Facebook e uma conta no Twitter são criados em seu nome para promover uma religião antiga e pouco conhecida. No entanto, o que começou como uma violação escandalosa de sua privacidade logo se torna algo muito mais profundo e assustador: a possibilidade de que o “Paul virtual” poderia ser uma versão melhor do que o de carne e osso. –> Romance.

2. Muito amor por favor – Um sentimento em quatro elementos, vários autores – Editora Sextante.

 Muito Amor, Por Favor

Sinopse: Este livro reúne textos que mostram o amor do ponto de vista de quatro jovens que escrevem sobre relacionamentos legítimos e atuais, que souberam se reinventar. Sem medo de expressar seus sentimentos, deixam para trás estereótipos já obsoletos – como o controlador machista ou o piegas choroso – e falam sobre viver a dois e sobre a natureza das relações em todos os seus aspectos. Assim, cada autor reflete sobre o amor representado por um elemento: Arthur Aguiar escreve que “O amor é água”, dizendo que ele é fluido, mas por vezes gelado; ora tempestade, ora profundo. Fred Elboni explica que “O amor é ar”, mostrando a leveza de se amar sem sofrer, da brisa que envolve os apaixonados, mas que por vezes torna-se furacão. Ique Carvalho se debruça sobre quando “O amor é fogo”, que arde, aquece a alma, mas que também pode incendiar até doer. E Matheus Rocha conta que “O amor é terra”, estável, tranquilo, mas que não escapa dos terremotos da vida, que tiram tudo do lugar para que a rotina não o extermine. Um livro apaixonante, para quem ama e para quem quer amar um dia… e sempre.
– O Amor É Água
Arthur Aguiar escreve sobre o amor quando ele é como a água: pode ser agradavelmente quente ou ferir se ficar gelado e rígido. Por vezes é tempestade, por vezes, calmaria. Mas quando é fluido, torna-se profundo e amolda-se a tudo.
– O Amor É Ar
Frederico Elboni fala sobre o amor ar, aquele que é leve, que eleva, faz flutuar. Mostra como é amar sem peso, sem amarras. Mesmo quando vem um vendaval, logo volta a ser a brisa, envolvendo os apaixonados com carinho e cuidado.
– O Amor É Fogo
Ique Carvalho escreve sobre o amor quando ele é fogo, que arde, arrebata, aquece a alma, mas às vezes incendeia até doer. Pode se manter como brasa por muito tempo, aguardando a chance de ser chama de novo, ou até renascer das cinzas
– O Amor É Terra
Matheus Rocha fala sobre do amor do tipo terra, aquele estável, certo, que traz segurança, mas que pode, de vez em quando, provocar terremotos que abalam estruturas, tiram tudo do lugar e viram a rotina de ponta-cabeça. –> Autoajuda.

3. Fãs do impossível, de Kate Scelsa – Editora Intrínseca.

Fãs do impossível

Sinopse: Fãs do impossível conta a história de três amigos, Mira, Sebby e Jeremy, em meio aos complexos conflitos da adolescência. Mesmo sentindo-se despedaçados, sem motivos para serem amados e tentando não sucumbir à solidão, os três lutam pela vida, cada um à sua maneira.
Mira está começando em uma escola nova, depois de passar um tempo no hospital. Ela se sente insegura no novo ambiente e acha que não vai conseguir ficar longe de seu melhor amigo, Sebby, um garoto brincalhão que leva a vida com boas doses de mentira e bom humor, até que seu lado mais destrutivo vem à tona.
Jeremy está retornando à antiga escola, depois de um tempo afastado por causa de um incidente traumático que arruinou seu ano letivo. Tímido e quieto, ele deseja se aproximar de Mira e Sebby.
Juntos, contra todas as expectativas, eles vão viver o impossível. –> Romance.

4. Três vezes nós, de Laura Barnett – Editora Novo Conceito.

Três vezes nós

Sinopse: Uma jovem mulher com uma bicicleta quebrada após desviar de um cão. Um homem que ela poderia facilmente ter deixado passar, sem parar, levando consigo uma vida inteira, uma vida que poderia nunca ter sido dela.
Eva Edelstein está no segundo ano do curso de Inglês na Universidade de Cambridge. Ela namora David Katz, estudante e aspirante a ator. A vida de Eva parece bem encaminhada, quando, no campus da universidade, ela conhece acidentalmente Jim Taylor, estudante frustrado de direito.
Há três versões, três realidades diferentes para o futuro de Eva e Jim, dos anos 1950 até os dias atuais.
Se o nosso futuro é uma encruzilhada, gostaríamos de saber qual caminho seguir? E depois, ficaríamos felizes com a nossa escolha?
Três vidas. Três histórias. Três destinos… permeados com traições e ambições, mas também com amor e arte.
Três vezes nós explora a ideia de que há momentos em nossas vidas que poderiam ter sido diferentes e como pequenos fatos ou decisões que tomamos podem determinar o rumo da nossa vida para sempre. –> Ficção.

5. Uma chance para recomeçar, de Lisa Kleypas – Editora Novo Conceito.

Uma Chance Para Recomeçar

Sinopse: Victoria morreu em um trágico acidente, deixando sua filha Holly sob a responsabilidade do seu irmão, o solteiro convicto Mark. O tio Mark não se sentia muito preparado para cuidar da menina, mas assumiu o compromisso de devolver o sorriso aos seus lábios. No entanto, ele desconfia de que não esteja fazendo um bom trabalho, uma vez que Holly nunca mais falou desde que ficou órfã. Uma cartinha para o Papai Noel revela um desejo que pode ser a chave da felicidade de Holly: ela só quer ter uma mãe.
Maggie perdeu o marido em uma batalha contra o câncer e não quer jamais – passar por tudo isso de novo. Por isso, ela fechou seu coração e prometeu a si mesma dedicar-se somente a sua nova loja de brinquedos em Friday Harbor, que permite às crianças viajar um pouco nas asas da imaginação. A amizade entre Maggie e Holly (que até passou a acreditar em fadas!) ao mesmo tempo comove e preocupa o tio Mark. Ele tem certeza de que a nova amiga fará bem a sua sobrinha, mas precisa decidir se a deixará entrar em sua própria vida…
Nós também torcemos, do fundo do coração, para que Holly tenha uma linda noite de Natal. –> Ficção/Romance.

É muito querer, viu, meu povo!

Acho que aceito cortesias, editoras lindas. Só acho… 😀 kkkkk

Um lindo e abençoado Outubro a todos e um ótimo fim de semana também!

Kisses!!! :*

Assinatura blog.fw

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: